Home / Armazenagem Na Indústria Alimentícia: Saiba…

Armazenagem Na Indústria Alimentícia: Saiba Como A Tópico Pode Ajudar

Você sabia que o Brasil é o segundo país que mais exporta alimentos industrializados no mundo? É isso mesmo. Para se ter uma ideia, a indústria alimentícia emprega mais de 1,72 milhão de pessoas e corresponde a 10,6% do PIB do país, segundo um levantamento da  Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (ABIA), divulgado em 2022. 

Nesse sentido, a busca por alternativas de armazenamento que consigam acompanhar o crescimento na produção se fazem cada vez mais necessárias e importantes no segmento. Especialmente porque, de acordo com datas sazonais, o estoque tende a aumentar significativamente.

Neste artigo, você irá conhecer um pouco mais sobre as melhores práticas de armazenagem e os benefícios de investir nessas ações. Além disso, irá entender como a Tópico, empresa com mais de 40 anos que é líder no segmento de Galpões Flexíveis para depósito e cobertura, pode ajudar o seu negócio!

Vamos lá? 

Quais as boas práticas de armazenagem na indústria alimentícia?

Mais do que simplesmente um local para guardar os produtos até que sejam destinados às lojas ou a exportação, os armazéns têm grande importância na conservação dos alimentos. Por isso é imprescindível contar com uma estrutura que garanta a manutenção da qualidade da produção, bem como possa ser usada para abrigar insumos e maquinários.

Mas quais seriam as boas práticas de armazenagem na indústria alimentícia? Veja abaixo algumas ações que ajudam a garantir e escolher a estrutura adequada: 

1. Monitorar a temperatura do local

Essa ação é extremamente importante, pois, em alguns casos, apesar de não precisarem ser mantidos refrigerados ou congelados, existem alimentos que podem estragar, inchar ou mudar de aspecto quando expostos à temperaturas elevadas. 

Com isso, monitorar quão quente ou frio está no galpão é necessário. Em estruturas de armazenagem flexível, como as da Tópico, é possível  adicionar acessórios que colaboram no conforto térmico. É possível, também,exaustores eólicos, que auxiliam na troca de ar entre os ambientes.

2. Garantir a circulação de ar

A circulação do ar também é um ponto que merece atenção dos gestores que precisam cuidar da armazenagem na indústria alimentícia. Afinal, o ar corrente ajuda também a conter a umidade e a manter a temperatura no galpão. 

3. Manter o ambiente sempre higienizado

Por estarmos falando de alimentos, não há como negar que manter o estoque limpo e higienizado é uma prática fundamental. Isso evita a proliferação de insetos e roedores. 

Com os galpões flexíveis essa prática também é facilitada já que eles são instalados sem que seja preciso trabalho com cimento ou outros componentes que deixam poeira acumulada, além de serem montados sobre uma superfície nivelada e seca. 

Além disso, essas estruturas possuem proteções nas bordas que auxiliam na vedação das paredes com o teto e o solo, o que ajuda a evitar a entrada de pragas e a formação de ninhos. 

4. Estar com a manutenção da estrutura de armazenagem em dia

O cuidado com o estado do armazém também está entre as boas práticas para a estocagem de produtos na indústria alimentícia. Nas estruturas de armazenagem flexível, as manutenções periódicas ajudam a manter a estrutura funcionando em perfeita ordem. 

Assim, o teto fica resguardado de vazamentos e goteiras, bem como as paredes de infiltrações. A boa notícia é que, com os galpões lonados da Tópico, as manutenções acontecem de forma rápida e prática, sem prejudicar o dia a dia da operação. 

Como a Tópico ajuda na armazenagem na indústria alimentícia?

Estando por dentro dessas boas práticas de estocagem na indústria alimentícia, você deve ter notado alguns benefícios de investir na armazenagem flexível, certo? E é com esse tipo de solução que a Tópico pode ajudar a sua empresa a se destacar. 

Afinal, como ajudamos empresas desse segmento? A resposta para isso está:

  • na possibilidade de customização; 
  • na rapidez na montagem, são precisos de dois a três meses para que seja possível usar o galpão; 
  • no alto custo-benefício, já que o investimento é significativamente menor do que o gasto com a construção de um prédio de alvenaria;
  • na grande vida útil desse ativo, que dura mais de 40 anos; 
  • e na possibilidade de aumentar e diminuir a estrutura conforme a demanda.

Além disso, a Tópico conta com experiência na realização de projetos nos mais diversos braços da indústria de alimentos como na armazenagem de:

  • enlatados;
  • engradados de cerveja;
  • biscoitos;
  • entre outros.

Nós temos a expertise para fazer seu negócio na indústria alimentícia se destacar por sua operação logística de qualidade. Por isso, não perca tempo e solicite seu orçamento de infraestrutura de armazenagem flexível na Tópico agora mesmo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Veja nossas últimas postagens

Galpão de Materiais de Construção Civil: Entenda a Importância e…

O galpão de materiais de construção é essencial para a segurança e a eficiência de uma obra. Leia o artigo para entender como utilizá-lo de forma eficaz e conhecer as vantagens da Tópico.

Logística CD: Para Que Serve O Centro De Distribuição De…

Confira detalhes do que é a logística CD, para que serve, benefícios e mais.

O Futuro da Logística Empresarial: Conheça as Vantagens do Barracão…

Confira os motivos pelos quais você pode optar por um barracão industrial. Esse modelo tem tudo para ser o futuro da logística empresarial!

Receba nossa newsletter