Home / Dicas de Como Prever o…

Dicas de Como Prever o Custo De Armazenagem No Orçamento Da Sua Empresa

Uma empresa requer diversos pontos de atenção para funcionar bem e alcançar seus objetivos, e uma das principais questões da logística moderna é saber como prever o custo de armazenagem.

Os custos de armazenagem referem-se basicamente ao tipo de produto, matéria-prima utilizada, transporte, estrutura, demanda da empresa e outros fatores. Portanto, a gestão de compra deve se manter informada em relação aos itens acima e principalmente estar em sinergia com o gerenciamento de estoque.

Acompanhe este conteúdo e veja dicas para prever o custo de armazenagem no orçamento da sua empresa!

Faça um planejamento sobre o custo de armazenagem

A etapa de planejamento é fundamental para prever o custo de armazenagem e envolve pontos como: 

  • escolher a melhor estrutura para sua empresa de acordo com as demandas;
  • listar custos com a mão de obra;
  • definir quais serão os gastos fixos para manter a operação;
  • escolher o tamanho do estoque;
  • calcular gastos com matéria-prima e fornecedores;
  • elencar custos com a logística da operação;
  • fazer o balanço de custos fixos e variáveis.

Desenvolva métodos de armazenamento

Dentre as várias metodologias conhecidas, você pode aplicar a “FEFO” (First Expire, First Out) e “FIFO” (First in First Out).

A FEFO é uma técnica recomendada para o armazenamento de produtos perecíveis e que possuem sua data de vencimento dentro do curto e médio prazo. Ou seja, determina o tipo de controle da movimentação do estoque.

Já o método FIFO é aplicado para que os produtos sejam utilizados do primeiro ao último lote, evitando perdas. Basicamente, materiais armazenados há mais tempo devem sair do estoque assim que os novos chegarem, e não ao contrário.

Opte pela estrutura correta para a armazenagem

A estrutura correta te ajuda a prever os custos de armazenagem, já que com ela você consegue estocar os materiais da empresa de modo apropriado e não tem gastos adicionais com perdas.

Hoje, existem as estruturas de galpões flexíveis, que se adaptam a diferentes necessidades e segmentos e ainda são recursos interessantes para otimizar processos internos da empresa.

Controle a utilização dos materiais

O uso de materiais é uma prática necessária na logística de armazenagem e controlá-lo é importante para evitar custos advindos de erros operacionais que podem comprometer o orçamento. Para garantir que isso não aconteça, algumas práticas úteis são:

  • fazer a contagem periódica de produtos (utilizar um sistema de gerenciamento de estoque);
  • não acumular materiais;
  • controlar a movimentação do estoque (registrar saídas e entradas de novos produtos).

Aposte em softwares de gestão

Softwares de gestão são recursos poderosos para automatizar processos e potencializar acertos.

Basicamente, ferramentas de gerenciamento são responsáveis por produzir relatórios inteligentes sobre quantidade de estoque, espaço útil para armazenagem e custos, garantindo que as decisões internas sejam mais assertivas. Desse modo, os prejuízos não ocorrem com frequência.

Agora que você já sabe as dicas de como prever os custos da sua operação, confira por que a estrutura de galpão flexível é o futuro da armazenagem.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Blog

Indústria de alimentos: construir armazém ou alugar galpão pré-moldado?

Como devo armazenar a minha produção neste atual cenário da indústria

Armazenagem flexível reduz custos de obras na construção civil

Apesar do ano atípico vivido pela economia global em 2020, a

Pela primeira vez, Tópico realiza workshop comercial de forma virtual

Os workshops comerciais da Tópico ganharam um novo formato nesta última

Receba nossa newsletter