Home / Galpão flexível ou pré-moldado: qual…

Galpão flexível ou pré-moldado: qual a melhor solução para estocagem da cana-de-açúcar?

O agronegócio da cana-de-açúcar aponta boas projeções, com previsão de crescimento para a safra 2020/2021, entretanto, o cenário macroeconômico volátil torna necessárias ações em todas as frentes para rentabilizar a operação e garantir a maior eficiência. A previsão otimista em relação aos resultados da safra, e a maior demanda do mercado por açúcar em relação ao etanol, torna a capacidade de armazenagem fator chave nesta equação. Soluções ajustáveis a demanda, como  o galpão flexível, proporcionam vantagens econômicas e operacionais em relação aos modelos fixos, como o galpão pré-moldado (também conhecido como modular).

Juntas, as indústrias da região Centro-Sul do Brasil, ou seja, 90% da produção nacional, devem processar entre 596 e 604,5 milhões de toneladas de cana. Dados da Datagro e da trading SCA Etanol do Brasil indicam, também, um avanço de até 3% na moagem, com destaque para o açúcar na produção das usinas, a partir da safra 2020/2021.

Usineiros migram de açúcar para etanol ou da produção de etanol para o açúcar com facilidade, de acordo com o preço de cada produto. Dentro de um cenário mais alcooleiro, a pressão sobre a armazenagem do açúcar diminui. Em contrapartida quando a tendência é pelo açúcar, como se mostra a safra 2020/2021, as usinas precisam flexibilizar de forma mais ágil a estocagem. 

Ainda que não seja um produto perecível, o açúcar perde qualidade quando armazenado em locais úmidos ou com temperatura instável. Além disso, vale lembrar que a estocagem de alimentos precisa atender a determinadas exigências legais. Daí a importância de se armazenar o açúcar em local seco, arejado e fechado, com todo o cuidado para impedir a entrada de sujidades ou invasores, como insetos  ou roedores.

A sua usina está preparada para a produção 2020/2021? Tem capacidade de estocagem suficiente? Ou vai precisar se adequar? 

Se você atua no agronegócio da cana-de-açúcar, precisa estar preparado para atender essa demanda, armazenando a produção não só com rapidez, mas também com segurança e de forma econômica e sustentável.

Esse artigo irá te mostrar exatamente tudo o que você precisa saber sobre armazenagem e as vantagens do galpão flexível na estocagem do açúcar em relação ao galpão pré-moldado em alvenaria. Confira:

1- Onde e como armazenar a produção de açúcar;

2- Os benefícios operacionais de alugar um galpão flexível e não um pré-moldado (modular);

3- As vantagens econômicas de alugar galpão flexível e não um pré-moldado (modular);

4- As contribuições do galpão flexível para a sustentabilidade;

ONDE E COMO ARMAZENAR A PRODUÇÃO DE AÇÚCAR?

São quatro as principais opções para a armazenagem de açúcar:

Galpão pré-moldado (ou modular) em alvenaria

Podem ser de qualquer tamanho mas não podem ser desmontados, demandam maior investimento e prazo para construção e ficam ociosos na entressafra. A construção de um galpão de alvenaria  pré-moldado (ou modular) pode chegar a R$ 2 mil por metro quadrado;

Armazenagem externa

Contratar armazéns terceiros, além de ser um investimento alto, traz como despesa adicional relevante o frete para o deslocamento logístico da carga;

Galpão flexível

O galpão flexível é uma infraestrutura flexível que pode ficar 100% pronta em apenas poucos dias, montada com rapidez e segurança

Galpão Inflável

O galpão inflável possui em seu favor o baixo custo. Mas, tem como limitadores o menor conforto térmico, custo operacional, impossibilidade da aplicação do sistema “FIFO” além de menor resistência.

QUAL A MELHOR SOLUÇÃO PARA ARMAZENAR A PRODUÇÃO SUCROALCOOLEIRA? 

Maior exportador de açúcar do mundo e com presença competitiva no comércio global de outros produtos da cana-de-açúcar, o agronegócio sucroalcooleiro brasileiro tem no tem na Solução Flexível Tópico, como o galpão lonado, uma forma de otimizar e tornar mais eficiente a armazenagem da produção.

Composto de estrutura metálica e lona tensionada (há também soluções revestidas de zinco), o galpão flexível para alugar permite que você escolha o layout de acordo com a sua necessidade de armazenagem da produção sucroalcooleira. Uma vantagem em relação ao galpão pré-moldado em alvenaria. 

É uma solução ágil. A título de comparação, uma construção de alvenaria com mil m² gasta, em média, para ficar pronta, cerca de quatro meses, levando em conta procedimentos como aprovações, licenças e inspeções.

Um galpão flexível para alugar nas mesmas dimensões é montado para armazenar sua produção sucroalcooleira com rapidez e segurança superiores ao galpão pré-moldado em alvenaria. 

POSSO ARMAZENAR TAMBÉM OS MAQUINÁRIOS DA PRODUÇÃO EM GALPÕES? 

Os galpões flexíveis não necessitam de fundação, apenas de um terreno plano e batido. Com larguras de 10 a 40 metros e totalmente modulares no comprimento (5 em 5 metros), os galpões flexíveis conseguem atender quase todo tipo de cliente, até mesmo quem precisa guardar os maquinários decorrentes dela.

O galpão flexível para alugar é uma solução para armazenar todo tipo de maquinário envolvido no processo. Perfeito para você que precisa gerenciar as mudanças no preço da cana-de-açúcar, sazonalidades de safra e estratégias de armazenagem para venda futura.

Além de ser uma solução ágil, como já foi explicado acima, o galpão flexível como lona tensionada ou revestida de zinco tem muitos outros benefícios para você que precisa armazenar a sua produção sucroalcooleira.

VANTAGENS DO GALPÃO FLEXÍVEL  EM COMPARAÇÃO COM O PRÉ-MOLDADO

  1. A lona tensionada e o revestimento de zinco utilizados na infraestrutura flexível do galpão flexível garantem melhor conforto térmico, menor concentração e condensação de gases tóxicos e permite a realização da estocagem da produção sucroalcooleira no modelo FIFO (first in/first out);
  1. O galpão flexível é coberto por uma membrana (lona) antichamas com extensa durabilidade;
  1. Alugar um galpão flexível de lona tensionada ou zinco é sinônimo de economia no uso de água, eletricidade, equipamentos e terraplanagem;
  1. As soluções de galpão flexível de lona tensionada ou zinco se adaptam a qualquer tipo de piso e são obras limpas, não gerando entulho e a necessidade de descarte.
  1. O galpão flexível de lona tensionada ou zinco é considerado como Opex (Operational Expenditure), uma despesa mensal, enquanto os gastos com alvenaria são classificados como Capex (Capital Expenditure), ou seja, custo fixo.

QUAL A MAIOR E MELHOR OPÇÃO PARA LOCAÇÃO DE GALPÕES FLEXÍVEIS?

No Brasil, quem lidera o segmento é a Tópico. Com mais de 40 anos de atuação, a empresa especializada em infraestruturas flexíveis é responsável por 65% do market share (participação no mercado) do setor de galpão de lona tensionada ou revestimento de zinco para cobertura e armazenagem.

A Tópico tem mais de 2,5 milhões de m² instalados e contabiliza mais de 800 empresas em carteira dos mais diversos setores, como agronegócio, empresas de logística, infraestrutura e serviços em geral.

Conta também com fábrica própria e centros de distribuição localizados em Embu das Artes, São Paulo, a Tópico também possui filiais estratégicas pelo País: em São Paulo (capital), Contagem (MG), Simões Filho (BA) e Parauapebas (PA). 

GALPÕES FLEXÍVEIS IMPACTAM NO PODER DE NEGOCIAÇÃO 

Grandes players do agronegócio sucroalcooleiro já utilizam o galpão flexível. 

A sazonalidade do segmento e seus altos volumes de produção, em um mercado onde pouco mais da metade da produção tem estocagem garantida, leva seus produtores a busca de soluções temporárias. Sem a necessidade de gastos com frete, maior agilidade e volume customizável à demanda, o  galpão flexível Tópico é a solução adequada para as demandas do setor, como:

Flexibilização de armazenagem: Entre julho e agosto, período da safra na região, um dos Top3 produtores de açúcar no Brasil e no mundo, substituir seus armazéns de alvenaria por soluções Flexíveis Tópico.

Complemento de demanda: A baixa capacidade de armazenagem é justificável, por conta da volatilidade do preço, não é viável destinar estruturas fixas para este fim, e o menor custo fixo permitido pelo uso do galpão flexível garante maior poder de negociação do produto ao cliente. Como é o caso de outra tradicional empresa, com quase 50 anos de história, que se tornou uma das maiores do setor sucroenergético nacional. A companhia utiliza soluções de galpão flexível para complementar a armazenagem e lidar com possíveis flutuações do mercado. Quando o preço não é atraente, a empresa estoca em galpões flexíveis. A capacidade de moagem da chega a 4,7 milhões de toneladas de cana por safra. 

Dentre outras, quem utiliza também as soluções de galpão flexível Tópico, é uma das empresas que compõem a maior cooperativa brasileira de açúcar e etanol e uma das maiores exportadoras mundiais desses produtos.

Um dos Top 3 produtores de açúcar no Brasil e no mundo, com atuação em 18 países, optava pela contratação de armazenagem de alvenaria.

Em julho e agosto, período de aumento na demanda de armazenagem, a empresa tinha que contratar armazéns. Isso aumentava os custos e necessidade de frete, obstáculos que deixaram de existir quando a empresa optou por alugar galpões modulares da Tópico. 

Com isso, obtiveram um ganho de frete e em custo total, porque o metro quadrado do galpão flexível é muito mais barato que a contratação de um armazém pré-moldado de alvenaria.

Além disso, o mercado de açúcar tem uma capacidade de armazenagem muito baixa, que equivale a cerca de 50% a 60% da produção. Como o preço do açúcar é volátil, a versatilidade na armazenagem utilizando galpão flexível pode garantir um poder de negociação maior, o que não ocorre com o galpão pré-moldado de alvenaria.

Este é o caso também de outra tradicional empresa, com quase 50 anos de história que se tornou uma das maiores do setor sucroenergético nacional, produzindo açúcar, etanol, bagaço hidrolisado, levedura, amendoim e energia elétrica. 

A companhia utiliza as soluções de galpão flexível para complementar a armazenagem e lidar com possíveis flutuações do mercado. Quando o preço não é atraente e venda não é o melhor caminho, a empresa estoca em galpões flexíveis. A capacidade de moagem da chega a 4,7 milhões de toneladas de cana por safra. 

Quem utiliza, também, as soluções de galpão flexível Tópico é uma das empresas que compõem a maior empresa brasileira de açúcar e etanol e uma das maiores exportadoras mundiais desses produtos.

QUAL A SOLUÇÃO IDEAL DE GALPÃO PRÉ-MOLDADO?

Inovadora, a Tópico disponibiliza ao agronegócio da cana-de-açúcar um aplicativo no Google Play e na Apple Store que te permite, de forma rápida e assertiva, entender qual a solução do catálogo Tópico perfeita para a sua necessidade. O aplicativo também traz conteúdos sobre armazenagem, o show room dos galpões e projetos executados pela empresa e permite a abertura de chamado técnico para manutenção.

Quer saber mais sobre as soluções de galpão pré-moldado da Tópico? Acesse https://topico.com.br/contato/ ou ligue 0800 120 1200 e faça um orçamento.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Blog

Galpão flexível ou pré-moldado: qual a melhor solução para estocagem…

O agronegócio da cana-de-açúcar aponta boas projeções, com previsão de crescimento

Os desafios vencidos pelos times de logística e operação no…

Entregue no começo de 2020, este Projeto Delta desenvolvido para mineração

Os desafios vencidos pelo time de engenharia no maior Projeto…

Entregue no primeiro semestre de 2020, este Projeto Delta desenvolvido para

Receba nossa newsletter